Lucas Paquetá quebra o silêncio e nega depressão no Milan

Jogador teria sofrido crise de ansiedade durante partida contra a Udinese, no San Siro, pelo Campeonato Italiano

atualizado 31/01/2020 21:18

Emilio Andreoli/Getty Images

Apontado pela imprensa italiana como possível alvo de transferência, o meia Lucas Paquetá, do Milan, quebrou o silêncio sobre o possível caso de depressão que ele estaria atravessando. O Blog do Menon, vinculado ao portal UOL, informou que em 19 de janeiro, o ex-jogador do Flamengo sofreu uma crise de ansiedade no banco de reservas, durante a partida dos rossoneros contra a Udinese, e precisou ser atendido no estádio, sendo levado posteriormente para uma clínica.

O atleta, por meio de um post no Instagram, tratou de se defender do caso, dizendo que não houve sequer o atendimento no San Siro.

“Nunca existiu graças a Deus, nenhuma depressão, nenhuma dor no peito, falta de amigos e desejo de voltar ao Brasil no momento”, garantiu.

A Gazzetta dello Sport, tradicional periódico esportivo da Itália, colocou o meia brasileiro como “transferível”, visto que ele não conseguiu corresponder às expectativas ao ser contratado junto ao Flamengo, em 2018.

Vídeos
Últimas notícias