Globo confirma Tadeu Schmidt no BBB22 e Maju no Fantástico

As mudanças começaram a ser definidas após a saída de Tiago Leifert do BBB22 e formalizadas na edição deste domingo (10/10)

atualizado 10/10/2021 23:37

Reprodução/Instagram

A Globo confirmou a saída de Tadeu Schmidt do Fantástico e a escalação de Maju Coutinho para o comando do dominical. As mudanças começaram a ser definidas após a saída de Tiago Leifert do BBB22 e foram formalizadas por Boninho na edição deste domingo (10/10) da revista eletrônica. “Estamos te esperando com muita alegria”, disse o diretor ao jornalista, em uma participação por vídeo.

Tadeu vai suceder Leifert após 14 anos à frente do Fantástico. O ex-apresentador do reality show comunicou no mês passado sua decisão de deixar a emissora, ao fim do The Voice Brasil. “O BBB é o máximo, é uma honra enorme fazer o mesmo trabalho de Leifert e Bial (…) Só quero agradecer a TV Globo por ter confiado a mim essa responsabilidade. Tô empolgadíssimo e, ao mesmo tempo, com o coração apertado”, comentou o apresentador emocionado.

Já Maju Coutinho assume o Fantástico após dois anos como âncora do Jornal Hoje. Antes disso, ela atuou 12 anos como repórter, garota do tempo e substituta de apresentadores na Globo.  Com a escalação, a Globo volta a manter uma dupla feminina no comando da revista dominical, o que já aconteceu nos anos 1990, com Carolina Ferraz e Sandra Annenberg, e Sandra com Fátima Bernardes.

A data em que Tadeu sairá do Fantástico e Maju irá assumir não foi divulgada.

0
Mais mudanças

A dança das cadeiras causada pela saída de Leifert também inclui a ida de César Tralli para o lugar de Coutinho. Dessa forma, o SP1 deve ficar nas mãos de Alan Severiano ou de Fábio Turci, que já vêm cobrindo a vaga de Tralli e de Carlos Tramontina no SP2.

Ainda há outra vaga em aberto: segundo explicou Tadeu Schmidt, a Globo irá escalar alguém para o  quadro dos cavalinhos no Fantástico, que não será assumido por Maju.

Veto à Mion

Marcos Mion, contratado pouco antes da decisão de Leifert, foi um dos primeiros cotados para o lugar de Tiago Leifert, mas segundo fontes da colunista Carla Bittencourt, do Metrópoles, o nome do ex-Record teria sido vetado pela Endemol, que detém os direitos da atração. A justificativa seria o fato do apresentador ter ficado anos à frente de A Fazenda. Em nota, a produtora negou alguma “questão com Mion”.

Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles: https://t.me/metropolesfamosos.

 

Últimas notícias