Pantera Negra 2 não terá Chadwick Boseman em versão digital

Estúdio estaria focado em homenagear o ator antes de pensar em como substituí-lo na sequência

atualizado 16/11/2020 15:33

Divulgação/Marvel

A sequência de Pantera Negra não terá o ator Chadwick Boseman em computação gráfica. De acordo com a executiva da Marvel, Victoria Alonso, em entrevista ao jornal Clarín, o estúdio está focado em primeiro homenagear o ator para, em seguida, analisar o que fazer no segundo filme do herói de Wakanda.

“Chadwick é único, e já não está mais com nós. Nosso rei, infelizmente, também morreu na vida real, não só na ficção”, disse a argentina. “Estamos tomando um tempo para ver como vamos retomar a história, e o que vamos fazer para honrar este ocorrido tão inesperado e tão terrível”, continuou sem dar detalhes sobre os planos da Marvel.

Por fim, a executiva falou sobre o ator. “Porque Chadwick não foi só um ser humano maravilhoso todos os dias que passamos juntos durante cinco anos, mas também parece que o personagem que ele interpretou nos levou como companhia, e deixou sua marca na história”, encerrou.

0

As declarações de Victoria Alonso se alinham com informações do Hollywood Reporter publicadas em setembro de 2020. Na época, o site disse que “fontes da Disney afirmam que a companhia está lidando com o luto, e está focada em homenagear Boseman, e não na realização da sequência de Pantera Negra”.

Chadwick Boseman ficou conhecido pelo papel como o Rei T’Challa, o Pantera Negra e morreu no final de agosto, aos 43 anos, vítima de um câncer de cólon. O último trabalho do ator, A Voz Suprema do Blues, será lançado em 18 de dezembro na Netflix.

Últimas notícias