Vídeo: com tratores, servidores do DF Legal derrubam casas em invasão de Santa Maria

Órgão está no local desde a manhã desta terça (5/10); moradores se queixam de truculência dos agentes e falta de informações acerca da ação

atualizado 05/10/2021 13:44

Reprodução

A Secretaria de Proteção da Ordem Urbanística do Distrito Federal (DF Legal) realizou, na manhã desta terça-feira (5/10), mais uma demolição de imóveis irregulares em Santa Maria. A ação aconteceu no mesmo dia que moradores paralisaram a BR-040, em protesto à operação do Governo do Distrito Federal (GDF). Vídeos encaminhados à reportagem mostram tratores demolindo construções de alvenaria na CL 404. Os fiscais foram escoltados por agentes da Polícia Militar do DF (PMDF). A ação se embasa numa liminar concedida pelo Superior Tribunal de Justiça no final de setembro.

Enquanto as máquinas botavam abaixo as residências, Cilene Barbosa, 45 anos, assistia a tudo incrédula. “Eu não tenho nenhum benefício. Tenho câncer de mama e estou com a minha mãe, porque ela mora comigo; ninguém aqui é invasor”, queixou-se a mulher ao Metrópoles. A mulher teve de abandonar o emprego que tinha como babá por causa de uma deficiência no braço.

“São várias casas, quase todas aqui, bloco A, bloco B. Tudo. Eles não falam nada, simplesmente dizem que têm uma ordem, mas não mostram papel algum”, disse a mulher. Ela também se queixa de atitudes, segundo ela, truculentas dos servidores. “Não respeitam, são grossos, puxam pelo braço e botam para fora”, relatou.

Cilene, que não tem onde buscar abrigo, disse que deixará a mãe temporariamente com o irmão. Móveis e objetos pessoais foram jogados nas ruas de areia da região, enquanto ela própria deve “ficar aqui debaixo do pé de árvore.”

Uma diligência da Comissão de Direitos Humanos (CDH) da Câmara Legislativa se dirigiu ao local para acompanhar a ação. O DF Legal informou por meio de nota que “a área é destinada a equipamentos públicos da Secretaria de Educação do Distrito Federal, como escolas e creches, cedida pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab).”

Além disso, o órgão pontuou que “a região tem sido objeto de reiteradas tentativas de ocupação irregular, por moradores do local, sem autorização do poder público ou alvará de construção. Por meio de liminar, o GDF solicita a remoção dos ocupantes para que a área seja destinada à função definida, sem óbice judicial. Sobre a realocação dos moradores, o procedimento segue as regras do Governo do Distrito Federal para a distribuição de lotes, de acordo com a legislação específica e a lista da Codhab.”

A PM atuou na ocorrência “apenas em apoio” à operação.

Protesto

Moradores fecharam a BR-040 na manhã desta terça-feira (5/10) durante protesto contra derrubada de casas em uma invasão localizada em Santa Maria. Com a via sentido Brasília completamente interditada, um grande congestionamento se formou no local, na altura do viaduto do Catetinho.

Há relatos de passageiros que tiveram de descer de ônibus, diante da ameaça dos manifestantes de incendiar o coletivo. A Polícia Militar foi acionada, negociou com os manifestantes e 6h40 a via já havia sido liberada. O Corpo de Bombeiros atuou apagando as chamas dos pneus que bloqueavam a rodovia.

Últimas notícias