Veja como foi a prisão do homem que esfaqueou mulher 22 vezes no DF

O acusado foi encontrado na Bahia. Ele tentou matar a mulher em agosto deste ano

atualizado 16/10/2020 22:30

PCDF/Reprodução

Fernando Ferreira dos Santos, 32 anos, foi filmado esfaqueando o tórax de uma mulher 22 vezes, enquanto andavam por uma rua de Taguatinga. O acusado estava desaparecido, no entanto, foi preso na manhã desta sexta-feira (16), na Bahia. Agora ele é transferido ao Distrito Federal.

Uma equipe da 17ª Delegacia de Polícia (Taguatinga), responsável pela investigação da tentativa de feminicídio, foi até a cidade de Ibotirama (BA) para cumprir o mandato de prisão preventiva contra o acusado. A Polícia Civil da Bahia apoiou a operação da PCDF.

Detido, Fernando tentou explicar aos policiais o motivo de praticar a violência contra a mulher, que permanece internada. Ela estava grávida e perdeu o bebê, em decorrência do ataque sofrido.

“Cheguei na casa, ela tinha ficado com um senhor de idade […] e ela disse que ia dormir com ele”, tentou se justificar. Um dos policiais afirma que isso não é motivo para deixar a mulher em estado grave. Depois disso, o homem é colocado na viatura.

Assista: 

Na data do crime, Fernando cumpria prisão domiciliar. De acordo com a PCDF, ele será encaminhado ao sistema prisional, onde aguardará julgamento perante o Tribunal do Júri de Taguatinga, já tendo sido denunciado pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios pelos crimes de feminicídio tentado e aborto.

Crime

Em 9 de agosto, o acusado foi flagrado por câmeras de segurança instaladas na QND 27, em Taguatinga, esfaqueando Cleudiane dos Santos, 27, enquanto caminhavam na rua. Ela estava grávida de 4 meses e teve intestino e estômago perfurados pelos golpes. Após ser atendida no Hospital de Base, ele teve o estado de saúde estabilizado, mas não foi possível salvar a vida da criança que esperava.

De acordo com as investigações, o criminoso teria se irritado com algo dito pela companheira e avançado sobre ela. Duas facadas mais profundas atingiram o estômago da vítima, segundo o delegado-chefe da 17ª DP, Mauro Aguiar.

O delegado explicou que o casal morava em uma chácara, em Vicente Pires, e estava de passagem por Taguatinga. “Como era noite de Dia dos Pais, não sabemos se eles estavam indo ou voltando de alguma comemoração. Ele havia sido preso por envolvimento com tráfico de drogas e outros crimes”, detalhou Aguiar.

0

Últimas notícias