Sem ônibus, transporte pirata toma conta da Rodoviária do Plano Piloto

Um motorista da TCB informou à reportagem que eles estão proibidos de deixarem as garagens das empresas

André Borges/Especial para o MetrópolesAndré Borges/Especial para o Metrópoles

atualizado 14/06/2019 11:09

Com 100% dos ônibus parados, os piratas fizeram a festa no Distrito Federal na manhã desta sexta-feira (14/06/2019). Já nas primeiras horas do dia, dezenas de vans entravam e saiam da Rodoviária do Plano Piloto sem qualquer tipo de fiscalização. Sem coletivos em operação, o transporte clandestino foi a opção de muitos passageiros para chegar ao trabalho.

Um motorista da TCB que não quis se identificar disse que o sindicato está na porta das garagens das empresas impedindo a saída dos ônibus. “A categoria não consegue nem chegar para trabalhar. Eu vim de moto. Os únicos veículos rodando (se houver cobrador) são os que fazem o trajeto Esplanada. Eu vim trabalhar, mas até o momento não chegou nenhum cobrador e, por isso, não posso rodar também”, contou.

Com a paralisação, quem depende de transporte público usou a criatividade para conseguir sair de casa. A doméstica Edileuza Martins, 36 anos, saiu de Padre Bernardo (GO) às 4h30 para chegar no trabalho, no Guará, às 7h. “Como fui avisada da greve e não posso perder o serviço, me preveni e saí mais cedo porque estava com medo de não conseguir chegar. Os ônibus no Entorno estão rodando normalmente. Cheguei até a rodoviária e, agora, vou pegar o Metrô. Ainda bem que deu certo”, disse, aliviada.

Metrô

Os funcionários da Companhia do Metropolitano (Metrô) estão em greve há 46 dias, mas mantiveram, nesta sexta-feira (14/06/2019), 75% dos trens em operação no horário de pico.

O serralheiro Marcelo Torres, 27, chegou à rodoviária por volta das 6h40. “Tenho que estar em Planaltina às 8h. A greve é legítima para garantir direitos, mas sempre atrapalha a vida dos menos favorecidos. É complicado porque temos que trabalhar. Vim de Ceilândia de Metrô e agora, provavelmente, vou ter que ir de pirata até o meu destino.”

Veja imagens desta sexta-feira com vários serviços parados no DF:

Últimas notícias