Sem energia para vender ingressos, filas se formam na entrada do Zoológico

Situação foi normalizada antes do meio-dia, segundo a direção do local

atualizado 22/11/2020 17:53

zooDaniel Ferreira/Metrópoles

O brasiliense que queria se divertir no Zoológico de Brasília na manhã deste domingo (22/11) enfrentou filas na entrada do local. Uma queda de energia no transformador externo, que fornece luz para as dependências internas, impediu a venda de ingressos entre 9h e 11h30.

O Zoológico, no entanto, esclarece que trabalhou rapidamente para consertar o sistema e restabelecer a venda dos tickets de entrada antes das 12h. A fundação afirma ainda que o número de visitantes se manteve o mesmo, com limite de público a 1,5 mil visitantes.

Veja a íntegra da nota do Zoológico:

A Fundação Jardim Zoológico de Brasília informa que houve um atraso na abertura da bilheteria na data de hoje (22) devido a queda de energia no transformador externo, que fornece energia para as dependências internas do Zoológico. Por isso, esclarece a impossibilidade de ter feito a venda de ingressos entre 9h e 11h30. Assim que foi constatada a queda de energia, a equipe técnica do Zoológico trabalhou rapidamente para consertar o sistema e restabelecer a venda dos ingressos, antes das 12h.

Assim, a energia no Zoológico já foi reestabelecida e a bilheteria foi normalizada, com limite de público a 1.500 visitantes, conforme prevê o Decreto n° 41.260, de 29 de setembro de 2020.”

Últimas notícias