Polícia prende homem suspeito de latrocínios e homicídio no DF

Segundo a PCDF, Gabriel da Silva Alves é "frio e cometeu todos os crimes com uso de faca"

PCDF/DivulgaçãoPCDF/Divulgação

atualizado 15/08/2019 16:10

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) prendeu, nas primeiras horas desta quinta-feira (15/08/2019), um jovem de 18 anos apontado como autor de dois latrocínios e um homicídio na região de Planaltina. A prisão foi realizada por policiais da 16ª Delegacia de Polícia (Planaltina).

Segundo os investigadores, Gabriel da Silva Alves teria assassinado Marciel Alves de Souza em janeiro deste ano, no córrego do Condomínio Mestre d’Armas. Além do homicídio, ele é suspeito de ter cometido dois latrocínios.

O primeiro latrocínio ocorreu em maio deste ano. Na ocasião, Gabriel matou Antônio Valdir Gomes da Silva a facadas, também no Condomínio Mestre d’Armas, após um roubo. Um mês depois, em junho, o jovem assassinou Manoel Benedito Pereira da Silva depois que a vítima reagiu a uma tentativa de assalto a seu veículo, nos arredores de uma festa de forró da cidade.

De acordo com a PCDF, Gabriel é “frio e cometeu todos os crimes com uso de faca, sempre alvejando as vítimas com diversas facadas, a maioria no pescoço”. Após ser preso, ele foi encaminhado à 16ª DP. Posteriormente, levado à carceragem da PCDF, onde aguarda julgamento.

Últimas notícias