Os bastidores da cobertura policial de um jeito que você nunca viu

PCDF investiga homens armados que fecharam rua para “dama de vermelho”

Vídeos e fotos da movimentação foram registrados e flagraram o momento em que pelo menos sete homens impediram a passagem dos veículos

atualizado 22/02/2022 19:39

O delegado-geral da Polícia Civil do Distrito Federal, Robson Cândido, determinou que se investigue o caso envolvendo um grupo de homens armados com fuzis e escopetas que bloqueou o trânsito na avenida Samdu Norte, em Taguatinga, para que uma mulher trajando vestido vermelho cruzasse a via.

Segundo Cândido, as imagens chamam a atenção e merecem ser apuradas. “A Polícia Civil irá apurar todos os detalhes que cercaram a produção desse vídeo. Será esclarecido se armas são, de fato, reais, e em quais circunstâncias elas estavam sendo usadas”, explicou. Vídeos e fotos da movimentação foram registrados e flagraram o momento em que pelo menos sete homens impediram a passagem dos veículos para que a “dama de vermelho” passasse.

Veja fotos e o vídeo mais abaixo:

Publicidade do parceiro Metrópoles
0

A coluna ouviu policiais civis que analisaram as imagens e apontaram que as armas seriam reais, diferentes das réplicas de airsoft, que precisam ter ponteiras coloridas usadas para confirmar que não são armamentos de fogo. Os homens que aparecem nas imagens teriam registro de Caçador, Atirador e Colecionador (CAC).

Próximo do local onde foi feito o bloqueio da rua, existe um clube de tiro, mas não há informação se a iniciativa tem alguma ligação com o estande. “O fato é que nessas imagens há, pelo menos, o crime de porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, punido com reclusão de três a seis anos”, disse um delegado ouvido pela coluna.

Veja detalhes no vídeo:

via GIPHY

Mais lidas
Últimas notícias