*
 

Moradores do Bloco C da 210 Norte ainda estão sem água. Alguns deles permaneceram no edifício, onde, na madrugada desse domingo (4/2), parte da garagem desabou afetando 25 veículos, mas precisam recorrer aos vizinhos para tomar banho e ir ao banheiro. Outros preferiram passar a noite fora.

Uma empresa foi contratada para fazer o conserto dos canos. A expectativa é de que a água chegue às torneiras novamente nesta segunda (5). A energia foi restabelecida. Mesmo assim, a Companhia Energética de Brasília (CEB) deve fazer outra instalação porque uma das caixas de luz ficou um pouco amassada, após o piso do prédio ceder e atingir parte da garagem.

A Defesa Civil esteve no local no domingo (4) e, após vistoria, concluiu que não houve dano estrutural no edifício, construído há mais de 40 anos.  A remoção da terra e consequentemente dos veículos atingidos pelo desabamento ainda não foi feita.

Morador do 3º andar, o servidor público Diogo Leonardo Rocha de Lima, 36 anos, contabiliza um prejuízo de R$ 50 mil. “Perdi meu carro (Renault Duster). Já acionei o seguro, mas nem eles têm ideia de como a situação será resolvida. Estou aguardando um posicionamento do condomínio até para saber se o seguro do prédio vai cobrir o prejuízo”, destacou.

Assim como muitos dos 200 moradores, Leonardo dormiu fora de casa, por conta da falta de água. O condomínio convocou uma reunião para as 10h desta segunda (5). A ideia é discutir como será feito o conserto da garagem do prédio, que tem 48 apartamentos.

(Aguarde mais informações)

Veja vídeos do momento em que a garagem desaba:

.