Doe: projeto arrecada mantimentos para famílias afetadas pela pandemia no DF

Ação recebe apoio de entidades e órgãos públicos contra impactos e efeitos da crise social provocada pelo coronavírus nas periferias

atualizado 25/08/2021 16:48

Hugo Barreto/Metrópoles

Com apoio da Fiocruz e bancos comunitários do Distrito Federal, o projeto Fundo de Resiliência Solidária está arrecadando alimentos, itens de higiene, roupas, entre outros produtos de primeira necessidade para ajudar famílias do DF que estão em extrema pobreza devido à pandemia da Covid-19.

A iniciativa foi lançada em dezembro de 2020. Serão realizadas ações de combate à fome e às desigualdades sociais por meio da concessão de auxílio solidário para essas pessoas e de apoio a empreendimentos sociais e cooperativos que gerem trabalho e renda para promover o desenvolvimento local.

A gestão é realizada pelo Banco Comunitário Estrutural por meio de um Conselho de Governança, formado pelo Movimento de Educação e Cultura da Estrutural (MECE), que é a entidade gestora do banco. Por meio deste conselho será realizada prestação de contas contínuas e divulgação sobre os recursos arrecadados, que neste primeiro momento deve beneficiar oito regiões do DF: Estrutural, Paranoá, Ceilândia, São Sebastião, Santa Maria, Samambaia, Riacho Fundo e Taguatinga.

0

“A solidariedade é a vacina contra a fome e as iniquidades que a Covid-19 acentuou no Brasil. Milhares de brasileiros e brasileiras estão vivendo em situação de miséria, e a empatia e a cooperação são elementos, juntos com a solidariedade, capazes de fazer pelo outro aquilo que o Estado não está dando conta de fazer. O Fundo de Resiliência Solidária está sendo operado com base nesses elementos e pretende fazer um economia popular que contribua para o desenvolvimento local saudável e sustentável”, conta Deuzanir Muniz da Costa, membra do Conselho de Governança do Fundo e representante do MECE.

“O Movimento de Educação e Cultura da Estrutural – Mece – solicita a você, morador ou moradora do DF e do Brasil, apoio com a doação de recurso financeiro, para ajudar a população de muita vulnerabilidade a combater as consequências da Covid-19 no Distrito Federal, por meio do Fundo de Resiliência Solidária”, reforça Deuzanir.

Como ajudar

As doações podem ser realizadas por qualquer pessoa, física ou jurídica. Empresários têm ainda o benefício de abatimento no Imposto de Renda (IR). Elas estão sendo recebidas no Setor Oeste da Estrutural, quadra 01, conjunto 01, casa 54. No entanto, antes deve-se telefonar para (61) 98566-6953.

Para ajudar financeiramente basta realizar pagamento via PIX (chave 24891909000145) ou transferência bancária para a seguinte conta: Caixa Econômica Federal, agência: 0643, C/C: 3535-2, OP 003, CNPJ 24.891.909/0001-45, Banco Comunitário Estrutural/Movimento de Educação e Cultura da Estrutural (MECE).

 

Últimas notícias