Após denúncias, DF Legal remove muro e quiosques irregulares no DF

Segundo a pasta, objetivo é reduzir impactos sociais, ambientais, políticos e econômicos causados por ocupações irregulares

atualizado 15/10/2020 17:48

Guincho remove quiosqueDivulgação/DF Legal

A Secretaria DF Legal removeu muro que cercava um lote invadido no Gama e dois quiosques no Riacho Fundo II. Ambas as estruturas estavam irregulares. As ações foram realizadas nesta quinta-feira (15/10) e fazem parte da Operação Pronto Emprego.

As remoções aconteceram após denúncias e, segundo a secretaria, o prazo de resposta foi menor que 72 horas. O DF Legal afirma que o objetivo é reduzir impactos sociais, ambientais, políticos e econômicos das ocupações irregulares, tanto para o Estado quanto para os infratores.

No Gama, foram removidos 750 metros lineares de muro de alvenaria, que cercavam um lote em área pública; uma edificação em construção e desabitada de 70 m² e uma base de 40 m². A equipe também desligou um ponto irregular de energia elétrica.

No Riacho Fundo II, após denúncias da comunidade, foram retirados dois quiosques instalados em área pública, igualmente de forma ilegal.

Veja imagens das ações:

0

Últimas notícias