*
 

Pai, mãe e os dois filhos mortos no grave acidente da BR-080 foram enterrados, na tarde desta quarta-feira (11/7), no Cemitério de Taguatinga. Muito emocionada, a irmã de Renata Rocha dos Santos, 25 anos, Raysa Rocha, 18, não arredou o pé da capela. Chorava inconsolada em cima do caixão da jovem, que estava grávida de sete meses e perdeu a vida na tragédia. “Acorda, por favor. Você não merecia isso, e eu não vou te deixar”, dizia, aos prantos.

Segundo Raysa, foi como se os familiares tivessem pressentido o desastre, ocorrido na madrugada de domingo (8). “Assim que eles [a família] pegaram a BR-080, minha mãe me ligou e pediu para eu ficar com os meninos. Estava com uma sensação ruim e, quando soube da notícia, não acreditei. Fui ver se era verdade”, disse.

Renata era uma das passageiras do Palio que colidiu frontalmente com um GM Classic. No acidente, além dela, morreram o marido, Bruno dos Santos Silva, 31, e dois dos três filhos do casal: Stefany Vitória Rocha Silva, 3, e Mikael Rocha Silva, 5. Marina Gabriella de Oliveira Xavier, 9, passageira do outro veículo, é a quinta vítima.

Da família de Renata, apenas o filho Bruno Renato, 7 anos, sobreviveu à tragédia. O menino está internado no Instituto Hospital de Base (IHB) e iria passar por uma cirurgia na tarde desta quarta-feira (11), segundo a tia Rayane, que também estava muito emocionada no velório.

Em um dos momentos de maior comoção no velório, familiares e amigos presentes cantaram juntos a canção Mais Perto Quero Estar. Nesse momento, as duas irmãs de Renata tiveram de ser amparadas pelos parentes que estavam no local.

Com base em informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), os dois carros colidiram de frente. Bruno, o motorista do Fiat Palio, teria feito uma ultrapassagem em local permitido, quando bateu no GM Classic, ocupado por um casal e duas crianças. Entre os passageiros, Marina perdeu a vida. O corpo dela foi enterrado nessa terça (10/7).

Segundo testemunhas relataram à PRF, os dois condutores estariam embriagados. Raysa confirmou que Bruno havia bebido. Já as equipes de socorro teriam identificado sinais de embriaguez no outro motorista.

A PRF informou ainda que as crianças, com idade entre 4 e 5 anos, deveriam estar em cadeirinhas de segurança. No entanto, o equipamento não foi encontrado no interior dos veículos nem nas proximidades do acidente.

Quem são as vítimas?

Renata Rocha dos Santos e Bruno dos Santos Silva

Reprodução

Renata Rocha dos Santos, 25 anos, que estava grávida de sete meses

 

Eram casados e estavam no Fiat Palio. Renata, que estava grávida, morreu junto com o esposo e dois filhos, de 3 e 5 anos. O mais velho, 7, está internado no IHB.

Stefany Vitória Rocha Silva 

Filha de Renata e Bruno, tinha 3 anos.

Mikael Rocha Silva

Mikael, 5, era o filho caçula de Renata e Bruno.

Marina Gabriella de Oliveira Xavier
A menina, de 9 anos, era uma das passageiras do GM Classic.