Deixe os tabus do lado de fora e pode entrar. Tudo sobre sexo, para você gozar a vida.

Veja a importância de se manter sexualmente ativo na maturidade

Terapeura sexual elenca a importância de continuar praticando sexo durante todas as fases da vida

atualizado 10/01/2022 19:40

iStock

Sexo é bom na juventude, na vida adulta, e principalmente na maturidade. “É importante desmistificar que ao longo do envelhecimento de uma pessoa ela perca a vontade de fazer sexo”, esclarece o terapeuta sexual André Almeida. O especialista lembra que pode ser comum ter uma diminuição da libido, mas isso não significa que há diminuição do tesão.

Recentemente o ator global José de Abreu, 75 anos de idade, casado com a maquiadora Carolynne Junger, 23 anos, revelou que fazer sexo toda manhã é “sagrado antes de qualquer coisa, e o banho é consequência”.

0

Outras formas de sentir prazer

Transar envolve todos os atos sexuais afetivos que geram prazer tanto para uma pessoa quando para outra “Não é porque uma pessoa atinge certa idade que ela vai parar de sentir prazer. O orgasmo nos acompanha ao longo de nossa vida”, esclarece André.

Ele lembra que algumas crenças errôneas acerca do que é o sexo acaba atrapalhando o objetivo de ter prazer. “Sexo nessa fase da vida não está focado apenas no genital, é preciso trabalhar e conversar sobre as diferentes formas de prazer”.

Benefícios

Vale ressaltar que fazer sexo traz os mesmos benefícios em qualquer idade, mas no amadurecimento, pode ajudar a manter em dia a atividade cardiovascular e a manutenção fisiológica do assoalho pélvico: “Além disso, mantém a saúde mental em dia também, e vai beneficiar o humor e a independência da pessoa confirmando a ideia de continuar ativo”, elenca André.

Frequência

Com o passar dos anos, a frequência sexual pode acabar diminuindo, mas é um fator individual e multifatorial. “Não é um problema diminuir a frequência sexual, é importante manter o estado de saúde em dia tanto físico como mental”, pontua.

 

Vida saudável e sexo na maturidade

Por fim, vale lembrar que independente da idade, os níveis de libido variam ao longo da vida e o tesão também. Mas uma coisa é certa: se manter ativo e saudável é sempre o melhor caminho para melhorar a disposição sexual.

Mais lidas
Últimas notícias