Deixe os tabus do lado de fora e pode entrar. Tudo sobre sexo, para você gozar a vida.

Especialista explica o que é gênero fluído: entenda

O psicólogo sexual Marcos Santos, da plataforma Sexo sem Dúvidas, esclarece o que é fluidez sexual

atualizado 11/05/2022 19:20

Daniel James/Unsplash

Os termos sexualidade fluida e gênero fluido têm aparecido cada vez mais nas mídias. Porém, muitos ainda não compreendem o significado.

O especialista Marcos Santos, psicólogo sexual da plataforma Sexo sem Dúvida, lembra que é importante contextualizarmos essa reflexão para a realidade mais próxima que vivemos.

“É importante levar em conta como cada povo e cultura lida com as questões de gênero, se com maior ou menor preconceito. Quando falamos de identidade de gênero no Brasil, ainda é muito forte a carga negativa que foi implantada na população, por influência das crenças religiosas interferindo nas manifestações políticas, além do fantasma chamado ideologia de gênero (que na prática não existe)”, pontua.

 Fluidez sexual

 Quando se fala em fluidez sexual, ainda há muita confusão:

“Gênero fluido é quando a pessoa não se identifica completamente nem com o gênero masculino nem com o feminino de sua cultura, ou se identifica com ambos, ficando entre eles ou mudando de tempos em tempos”, explica.

 Mas, quem pensa o mundo de forma binária, tem dificuldades em aceitar que ao longo da vida, na maioria das sociedades, existe um reconhecimento e até aceitação da possibilidade de nos manifestarmos de forma plural. “Não se trata então nem de experiências isoladas, nem de um determinismo biológico”, pontua.

Identidade de gênero

Outro ponto a ficar claro é a identidade de gênero: “Em qualquer lugar do planeta ela vem sempre acompanhada da expressão de gênero que é algo visível na apresentação das pessoas. Ainda falta muito, do ponto de vista educacional e do aprendizado humano, de uma diferenciação da identidade de gênero, que é com o que cada um se identifica; e de expressão de gênero, que é como a pessoa manifesta publicamente a sua identidade de gênero”.

A confusão toda, então, acaba girando em torno de um déficit social generalizado que podemos resumir em falta compreensão do que é orientação, identidade e expressão de gênero, reconhecendo e entendendo tudo aquilo que é natural e cultural dos seres humanos ao longo de suas vidas. 

 Descobertas 

 Tais descobertas podem acontecer com qualquer pessoa em qualquer fase. Afinal, não há regras que determinam as opções que temos ao longo da vida. 

“A manifestação da identificação de gênero, quer seja predominante uma sobre as outras, vai depender então de cada pessoa, do momento em que ela se encontra e, obviamente, de quem e do que são os focos de sua aproximação e identificação”, afirma o psicólogo sexual.

Desejo sexual por diferentes gêneros

Por fim, ter desejo sexual por diferentes gêneros ao longo da vida, não é definidor de identidade ou manifestação de gênero. As mudanças nessa área são ainda mais comuns: na última semana, o cantor Vitão declarou estar redescobrindo a sexualidade. No entanto, vale ressaltar, que a questão não envolve gênero.

Confira o podcast Prazer sem tabus:

Mais lidas
Últimas notícias