Dicas de exercícios e alimentação para viver uma vida saudável e sem neura

Conheça 3 componentes essenciais para a saúde física e mental

Se você se alimentar bem, priorizar o sono e se exercitar, sem dúvida irá preservar seu organismo e ter mais qualidade de vída

atualizado 12/09/2022 13:08

Mulher malhando em casa Divulgação/ BTFIT

A depressão atinge cada vez mais pessoas em todo o planeta. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), 322 milhões de pessoas no mundo sofrem com a doença. No Brasil, são mais de 11 milhões de casos.

A ciência já comprovou que uma das maneiras de prevenir e tratar esse quadro, assim como a ansiedade e a obesidade, é priorizar boa alimentação, sono de qualidade e atividade física.

Três pilares, comprovados por diversos estudiosos da área, têm envolvimento importante no desenvolvimento, progressão e tratamento dessas patologias.

Foto colorida de salada
Alimentação detox

No quesito alimentação, há menor risco de depressão quando ocorrem alta ingestão de peixes, vegetais, cereais e azeite de oliva. Muitos médicos sugerem a suplementação de óleo de peixe para ajudar no controle dos sintomas depressivos. Por outro lado, uma alimentação ruim, com ingestão de fast food, bolos e doces agrava os quadros depressivos.

No caso do sono, as estatísticas revelam que 40% dos casos de depressão são precedidos por alterações no momento do descanso. Quando se considera especificamente os insones, há aumento considerável no risco de depressão em comparação com pessoas de sono regular.

O exercício, por sua vez, tem mostrado grandes efeitos no controle do quadro, com evidências de redução para menos da metade do risco entre quem pratica atividade física.

Prevenir é muito importante! O tratamento de um quadro depressivo e de obesidade costuma ser complexo. Pense bem nos hábitos que adota na sua vida. Se você se alimentar bem, priorizar o sono e se exercitar, sem dúvida irá preservar sua saúde física e mental.

Mais lidas
Últimas notícias