Tudo o que rola no universo dos famosos e da televisão, sob o olhar atento de Leo Dias e equipe.

Veja carta em que ex de presidente da Universal pede socorro para sair de clínica

Na carta, a escritora conta como Paulo planejou a sua internação e dá detalhes do seu dia a dia angustiante

atualizado 10/08/2021 16:51

A coluna Leo Dias divulga, com exclusividade, trechos da carta que Helena Lahis, ex-esposa de Paulo Lima, presidente da gravadora Universal Music, escreveu a um namorado dela pedindo ajuda para conseguir sair da clínica psiquiátrica em que foi colocada, segundo ela, à força.

Nela, a escritora conta como Paulo planejou a sua internação e dá detalhes do seu dia a dia angustiante sem ter contato com o mundo fora da reabilitação. “Essa é a segunda carta que eu te escrevo. Não sei se você recebeu a primeira. Eu pedi ao médico da clínica onde estou presa para te entregar. Ele me prometeu isso, mas não estou acreditando que ele tenha cumprido a promessa. Então, vou te contar tudo de novo o que me aconteceu”, iniciou Helena.

0

Estou internada numa clínica psiquiátrica há 15 dias. Naquele domingo, dia 20 de outubro, quando nós iríamos almoçar e passar a tarde juntos, eu estava em casa quando o Paulo armou uma cilada para mim. Ele chamou uma amiga psiquiatra que entrou na minha casa com alguns trogloditas e eles me prenderam à força e me largaram aqui”, completou.

Ela conta que estava sem telefone ou celular e que não recebia quaisquer visitas a menos que o seu ex esposo ou o médico psiquiatra autorizassem: “Estou presa neste manicômio de luxo. Não tenho ninguém ao meu lado. Eles dizem que tenho um transtorno. Estou presa sem poder trabalhar. Você não faz ideia do que eu estou passando nesse lugar. O Manoel precisa vir aqui pessoalmente pois sempre tem algum enfermeiro ao meu lado para me caguetar. O Manoel cuida de mim há 20 anos e vai poder me ajudar”.

Helena termina a carta dizendo que era a única pessoa internada que não possuía alguma doença mental ou dependência química. “Eu queria tanto te ver e me deixar dentro do teu abraço. Me ajuda, Xande. Não me deixa sozinha. Fica aqui comigo, como sempre”, escreveu.

Helena Tavares de Souza Lima e Paulo Lima foram casados por 24 anos. Ela, escritora. Ele, presidente da gravadora multinacional Universal Music no Brasil. O fim desta relação teve seu momento mais dramático em 20 de outubro de 2019. Nesta data, a mulher relata ter sido internada à força pelo próprio marido em uma clínica psiquiátrica na zona sul do Rio. Helena permaneceu por 21 dias isolada sob a supervisão de psiquiatras da clínica. Com ajuda externa, obteve uma ordem judicial para sair de lá e denunciou o marido à polícia. Paulo Lima acabou indiciado por cárcere privado.

Mais lidas
Últimas notícias