Os bastidores das notícias, e os principais personagens, que movimentam a política do Distrito Federal

ADPF realiza desafio para premiar startups de tecnologia em segurança

Simpósio internacional ocorre pela 4ª vez no Distrito Federal e agora dará recompensa de até R$ 25 mil para projetos vencedores

atualizado 22/06/2021 15:20

André Zimmerer / Divulgação

A Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF) realiza mais uma edição do Simpósio Internacional de Segurança com o objetivo de descobrir novos projetos de tecnologia na área de segurança desenvolvidos por startups de todo o país. O desafio será realizado no Distrito Federal do dia 30 de agosto a 2 de setembro.

A competição aconteceu pela primeira vez no ano passado e visa apoiar iniciativas de desenvolvimento tecnológico e inovação para a modernização e melhoria da efetividade na segurança pública do país. Entre os critérios de grande relevância estão as tecnologias voltadas para a identificação, mapeamento e seleção de empreendimentos no país.

“Precisamos ainda debater muito sobre esse tema. Há uma escassez notória de recursos humanos, logo, a tecnologia tem suma importância no combate à criminalidade. Portanto, mais uma vez teremos a oportunidade de conhecer novos projetos, novas ideias e até aplicá-las em nosso sistema futuramente. Então, se você tem uma empresa ou startup e está com um projeto nessa área, se inscreva, mande sua proposta para nós. O espaço está 100% aberto”, explicou o delegado federal Luciano Leiro, vice-presidente da ADPF.

Participação

Podem participar do desafio startups de todo o país e, quem ainda não se enquadra no conceito pode apresentar uma ideia que será avaliada pela comissão, a fim de verificar sua viabilidade para a competição, conforme requisitos do edital.

Há possibilidades de criação de projetos voltados para sistemas inteligentes que auxiliem no combate à criminalidade, programas de software e automação para monitoramento de cidades inteligentes, entre outros.

As inscrições podem ser feitas até o dia 30 de junho, com envio da proposta para o e-mail [email protected] Os projetos serão julgados em alguns quesitos como originalidade, aplicabilidade e relevância, por exemplo, por uma banca definida pela organização do evento, composta por representantes de empresas e entidades da área de segurança pública, entre 1° e 15 de julho.

O resultado sairá no site do simpósio no dia 20 de julho e os vencedores participarão de um painel dentro da programação do simpósio apresentando suas ideias. Neste ano, haverá premiação em dinheiro para os três primeiros colocados: R$ 25 mil, R$ 15 mil e R$ 5 mil, respectivamente. O edital completo com todas as informações pode ser conferido no www.simposioseguranca.com.br.

 

Últimas notícias