Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Paulo Cappelli

Marina Silva espera telefonema de Lula para marcar encontro presencial

Fundadora da Rede, Marina Silva diz que espera gesto de Lula e que não será conduzida ao encontro do ex-presidente por nenhum interlocutor

atualizado 09/05/2022 14:08

Hugo Barreto/Metrópoles

A ex-ministra Marina Silva aguarda um telefonema do ex-presidente Lula para marcar uma reunião presencial com o petista.

Marina fez chegar ao PT que não será conduzida ao encontro de Lula por nenhum interlocutor e que espera um gesto do próprio ex-presidente para avançar com as conversas.

Diversos políticos já se colocaram como mediadores da relação entre Marina e Lula. O papel passou pelo senador Randolfe Rodrigues, pelo ex-senador Cristovam Buarque e pelo vereador Eduardo Suplicy, entre outros nomes.

Quando se encontrar com Lula, a ex-ministra do Meio Ambiente pedirá para o petista apresentar as propostas do partido para promover o desenvolvimento sustentável e para combater a crise climática.

Marina concluirá nesta semana a mudança para São Paulo, onde será candidata a deputada federal. Ela teve uma conversa recente com o ex-prefeito Fernando Haddad, por telefone, e ficou de marcar um encontro com ele para tratar do cenário eleitoral. Haddad disputará o Palácio dos Bandeirantes e quer o apoio da Rede para a campanha.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
Publicidade do parceiro Metrópoles 4
Publicidade do parceiro Metrópoles 5
Publicidade do parceiro Metrópoles 6
0

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna