Observadora do cenário político do DF, lança luz nos bastidores do poder na capital.

Veja o que dizem conselheiros tutelares sobre vacinação de crianças

Servidores que trabalham com a proteção de crianças e adolescentes disseram que pais não podem colocar vida dos filhos em risco

atualizado 05/01/2022 17:08

VacinaArthur Menescal/Especial Metrópoles

Conselheiros tutelares de Brasília emitiram um informativo em que se manifestam a favor da vacinação contra a Covid-19 de crianças de 5 a 11 anos. No documento desta quarta-feira (5/1), os servidores disseram que “o poder familiar não autoria que os pais, invocando convicção filosófica, coloquem em risco a saúde de seus filhos”.

“Ressaltamos que um dos direitos fundamentais da criança e do adolescente é o direito à vida e à saúde”, escreveram. Os conselheiros destacaram que o Estatuto da Criança e do Adolescente estabelece “a obrigatoriedade da vacinação das crianças nos casos recomendados pelas autoridades sanitárias”.

0

Ibaneis confirma vacinação de crianças contra Covid-19 no DF

“Sendo assim esperamos que o Governo Federal e do Distrito Federal viabilizem o quanto antes a vacinação dessas crianças, reduzindo o risco de contaminação e mortes que podem e devem ser evitadas”, concluíram.

Confira, na íntegra, o documento:

Documento digital
Conselheiros tutelares são a favor de vacinação de crianças contra Covid

Apesar de a Anvisa já ter aprovado a aplicação do imunizante no Brasil, confirmando a segurança e eficácia da dose reduzida da vacina da Pfizer/BioNTech contra a Covid-19, o Ministério da Saúde ainda não divulgou as datas para o começo da campanha para crianças entre 5 e 11 anos.

Mais lidas
Últimas notícias