Observadora do cenário político do DF, lança luz nos bastidores do poder na capital.

Após instabilidade, TJDFT prorroga prazos que venceram nesta 3ª (16/8)

O sistema do TJDFT apresenta instabilidade desde o início do mês, quando sofreu um ataque hacker. O órgão toma medidas para cibersegurança

atualizado 16/08/2022 16:01

foto colorida da fachada do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e TerritóriosRafaela Felicciano/Metrópoles

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) informou a prorrogação dos prazos judiciais que venceram nesta terça-feira (16/8).

O comunicado foi publicado após instabilidade no sistema PJe, o sistema de processo eletrônico. “Em virtude de instabilidade da rede, o TJDFT prorrogou os prazos vencidos no dia 16/08/2022 do PJe de 1ª e 2ª graus para o primeiro dia útil seguinte à resolução do problema”, diz trecho do informativo.

Desde que sofreu um ataque hacker, no início de agosto, o site do TJDFT tem apresentado instabilidade. O órgão determinou que o expediente seja remoto entre 15 a 26 de agosto.

O expediente remoto ocorre para que os computadores das unidades judiciárias de primeiro e segundo graus seja formatados, como procedimento prévio ao restabelecimento dos serviços de rede, última etapa para a volta do expediente presencial.

A Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos (DRCC) investiga a tentativa de invasão ao portal do TJDFT. A coluna Na Mira, do Metrópoles, apurou que o ataque foi feito por um hacker, que tentou ter acesso aos bancos de dados da Corte.

Mais lidas
Últimas notícias