Este é um espaço para celebrar a vida e as pessoas. Viaje comigo nesta aventura!

Neto da rainha Elizabeth vive com a ex-mulher na mesma casa após separação

Depois de 12 anos de casamento, Peter e Autumn Phillips resolveram se separar. Eles dividem o mesmo teto por um motivo especial. Saiba qual!

atualizado 23/01/2021 15:01

Autumn e Peter PhillipsMax Mumby/Indigo/Getty Images

Integrante da família real britânica, Peter Phillips foi o primeiro neto da rainha Elizabeth II a subir ao altar. O filho da princesa Anne se casou com Autumn Phillips, em maio de 2008. Depois de comemorar as bodas de seda, ou seja, 12 anos de matrimônio, o casal resolveu se divorciar, segundo revelou o jornal The Sun na época. Ocorrida em 2019, a separação só foi divulgada em fevereiro de 2020. Embora a maioria dos ex-casais optem por morar em casas diferentes, os dois preferiram viver sob o mesmo teto.

O motivo para a decisão? Ex-marido e mulher resolveram continuar morando juntos em prol dos interesses das filhas. Eles são pais de Savannah, de 9 anos, e Isla, de 7. Desde o enlace, os dois desfrutam das dependências de Gatcombe Park, em Gloucestershire, condado britânico. De acordo com a Hello! Magazine, Peter e Autumn estão instalados em prédios separados dentro da espaçosa propriedade, e não compartilham os aposentos de quando eram casados.

Publicado no início de 2020, o comunicado para anunciar o divórcio dos Phillips trouxe a seguinte mensagem: “Autumn e Peter chegaram à conclusão de que este foi o melhor para as duas filhas. A amizade continua. A decisão de se divorciar e dividir a guarda surgiu após muitos meses de discussões e, embora triste, é amigável”. Entretanto, o ex-casal não contou com a chegada da pandemia do novo coronavírus, o que posteriormente pesou sobre a escolha de dividir o mesmo teto.

Autumn, Peter, Savannah e Isla Phillips
Família Phillips reunida: Autumn, Peter, Savannah e Isla

Em razão das determinações do governo, o ex-casal não pôde sair de casa, ficando em confinamento domiciliar. Com tanto tempo coabitando o mesmo espaço, eles se aproximaram e mudaram o posicionamento em relação à guarda das crianças. A mídia e os súditos davam como certo o retorno de Autumn para a terra natal, o Canadá, logo após o divórcio. Contudo, com as fronteiras do país de origem fechadas, ela enfrentou o período turbulento da separação longe de familiares e amigos.

0

Fontes próximas à família contaram aos tabloides britânicos que, recentemente, os pais perceberam que as garotas iriam sofrer, caso ficassem afastadas de um dos progenitores. “Peter e Autumn permanecerão em Gloucestershire para criar suas duas filhas, onde estão estabelecidas há vários anos. Eles pedem privacidade e compreensão enquanto se adaptam a essas mudanças. A prioridade deles continuará sendo o bem-estar e a educação de suas maravilhosas filhas, Savannah e Isla”, disseram em comunicado.

Situada em Gloucestershire, Gatcombe Park pertence à princesa Anne, segunda filha da rainha Elizabeth II com o príncipe Philip. A soberana comprou a propriedade para a filha em 1976 que, desde então, mora no local. Além dos Phillips, residem na mesma área de 295 hectares: Anne e seu segundo marido, Timothy Laurence; e sua filha Zara Tindall e o companheiro, Mike Tindall, com as herdeiras Mia Grace, de 7 anos, e Lena Elizabeth, 2.

Peter e Autumn Phillips
Eles resolveram morar sob o mesmo teto em razão do bem-estar das filhas
Camilla Parker Bowles, rainha Elizabeth, príncipe Charles, Autumn e Peter Phillips
Camilla Parker Bowles, rainha Elizabeth, príncipe Charles, Autumn e Peter Phillips
Príncipe Harry, Autumn e Peter Phillips
Príncipe Harry, Autumn e Peter Phillips

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.

Últimas notícias