Este é um espaço para celebrar a vida e as pessoas. Viaje comigo nesta aventura!

Albert diz que a mulher, princesa Charlene, terminará exílio em breve

A princesa Charlene deveria passar duas semanas na África do Sul. Por motivo de saúde, ela está em exílio há seis meses

atualizado 27/10/2021 15:26

Príncipe Albert e princesa Charlene@hshprincesscharlene/Reprodução/Instagram

Há mais de seis meses, a princesa Charlene está em exílio na África do Sul. Ela viajou ao país para uma campanha de conscientização contra a caça de animais selvagens. Na turnê, a ex-nadadora olímpica descobriu uma infecção no ouvido, nariz e garganta, e precisou se submeter a três cirurgias, sem chances de retornar para casa. Marido da personalidade da realeza, o príncipe Albert revelou que a mulher em breve estará em seu lar doce lar.

Nesta quarta-feira (27/10), a revista francesa Point De Vue publicou uma entrevista exclusiva com Albert. No bate-papo, o príncipe soberano confidenciou a respeito do estado de saúde da mulher e deu uma previsão do retorno de Charlene para casa. Ele afirmou que a princesa voltará antes do próximo feriado nacional, no caso, o Dia Nacional de Mônaco, a ser celebrado em 19 de novembro.

“Ela está muito melhor, e nos tranquilizou. Esta última operação que envolveu o septo nasal correu muito bem […] Posso dizer que ela estará em Mônaco muito antes do feriado nacional. Não é possível para mim dar uma data exata, mas eu prometo que você saberá quando chegar a hora”, ressaltou Albert na entrevista.

0
Tristeza

Defensora dos animais, Charlene compartilhou uma importante perda, enquanto se recupera da última cirurgia, feita no dia 8. A cachorrinha da princesa morreu repentinamente. “Meu anjinho morreu ontem à noite, ela foi atropelada. Sentirei tanto a sua falta. Descanse em paz”, escreveu a ex-nadadora em uma publicação no Instagram. A legenda veio acompanhada de um emoji de coração partido.

Princesa Charlene
Charlene com a pet. A princesa tirou a foto no Natal de 2020

Nos comentários do post, os seguidores lamentaram a perda e enviaram condolências à princesa de Mônaco. Alguns pontuaram os problemas enfrentados por Charlene nos últimos meses. “Acho que ela não está bem. Ela sente falta de seus filhos e depois há seu casamento… Além de tudo, seu cachorro morre. Em qualquer caso, desejo-lhe paz de espírito”, salientou uma admiradora da ex-nadadora.

Mãe dos gêmeos Jacques e Gabriella, de 6 anos, Charlene contou em entrevistas ter sofrido por ficar longe dos herdeiros. “Mal posso esperar para chegar em casa e ver meus filhos, de quem sinto terrivelmente a falta. Acho que se houver alguma mãe por aí que foi separada de seus filhos por meses vai se sentir da mesma maneira que eu”, afirmou a princesa. Outro tópico sensível da vida da ex-nadadora é a especulação midiática em torno do fim do casamento dela com o príncipe Albert.

Princesa Charlene, príncipe Albert, Gabriella e Jacques
Durante o exílio, Charlene chegou a ver o marido e os filhos, que foram à África do Sul

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.

Mais lidas
Últimas notícias