*
 
 

Procurador da Fazenda Nacional, Aldemario Araújo Castro será o chefe da Controladoria-Geral do Governo do Distrito Federal a partir do dia 1º de janeiro. O nome foi confirmado pelo governador eleito Ibaneis Rocha (MDB) ao Metrópoles. “Grande profissional e ser humano, além de ser muito amigo meu”, disse o emedebista.

Formado em direito pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL), Castro é mestre na mesma área pela Universidade Católica de Brasília (UCB). Foi corregedor-geral da Advocacia Geral da União (AGU), professor da UCB, coordenador da especialização à distância em direito do Estado da mesma instituição e coordenador-geral da Dívida Ativa da União.

Em 2014, Aldemario concorreu ao Senado Federal pelo PSol-DF e obteve 20.697 votos. Terminou a eleição em quinto lugar entre oito candidatos da época. Deixou o partido em dezembro de 2017.

Outros anúncios
Nesta quinta-feira (8/11), o governo de transição confirmou o convite feito ao advogado Mateus Leandro de Oliveira para comandar a Secretaria de Habitação na gestão de Ibaneis Rocha. Mestre em direito urbanístico, o futuro gestor substituirá Thiago Andrade, atual ocupante da cadeira no governo de Rodrigo Rollemberg (PSB).

A pasta de segurança também tem um nome. Como revelou o Metrópoles nessa quarta (7), Ibaneis convidou o delegado Anderson Gustavo Torres para assumir a secretaria. Anderson é delegado da Polícia Federal e, atualmente, chefe de gabinete do deputado federal Fernando Francischini (PSL-PR).

Ibaneis reuniu-se com Anderson no fim da tarde de quarta (7) e fez o convite. Antes de integrar os quadros da PF, Anderson foi papiloscopista da Polícia Civil do Distrito Federal e tem bom trânsito nas duas corporações.

Outro nome confirmado é o da coronel Sheyla Soares Sampaio no comando da Polícia Militar do DF. Ela será a primeira mulher a chefiar a corporação. A oficial, que era responsável pelo Comando de Policiamento Regional Sul (CPRS), é indicação de um advogado próximo ao governador eleito Ibaneis Rocha (MDB). De acordo com fontes ouvidas pela reportagem, ela é conhecida por ter pulso firme.

Ao Metrópoles, Sheyla assegurou que sua liderança será baseada no respeito e na honestidade. “Será uma corporação que respeita o público interno, a sociedade, nosso maior cliente e, principalmente, baseada na honestidade, no profissionalismo e na lealdade“, disse.

Também conforme revelou o MetrópolesJúlio César será mantido no comando da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) pelo governador eleito Ibaneis Rocha. Foram anunciados, ainda, o secretário de Obras, Izídio Ramos Júnior, e de Fazenda, André Clemente. Nora do ex-vice-governador do DF Tadeu Filippelli, Éricka Filippelli ficará à frente da Secretaria da Mulher.

 



 


ControladoriaIbaneisAldemario Araújo Castro