Dança das cadeiras atinge região sul da Secretaria de Saúde do DF

Desde terça-feira, três mudanças ocorreram na diretoria administrativa. Governo diz que cargos são de livre provimento

Rafaela Felicciano/MetrópolesRafaela Felicciano/Metrópoles

atualizado 29/11/2019 15:22

O governador Ibaneis Rocha (MDB) mudou, mais uma vez, a diretoria administrativa da Superintendência da Região de Saúde Sul, da Secretaria de Saúde do Distrito Federal. A área vive uma verdadeira crise após as chuvas inundarem o Hospital Regional do Gama (HRG). As exonerações foram publicadas em edição suplementar do Diário Oficial (DODF), na noite de quinta-feira (29/11/2019). Os cargos comissionados são de livre provimento.

De acordo com a publicação, Diego Fernandes da Silva deixa o cargo de diretor para a entrada de Cleider de Faria Paiva. Diego ocupava a cadeira desde a última terça-feira (26/11/2019), quando foi nomeado para substituir Verbena Lucia Melo, que estava na função desde agosto. Em outubro, um áudio atribuído a ela dizia que o centro cirúrgico de uma unidade da região iria parar por falta de insumos.

Uma forte chuva caiu no último sábado (23/11/2019) e provocou estragos no Hospital Regional do Gama (HRG). O teto da unidade cedeu e a água entrou pelos corredores do centro cirúrgico, inundando o local. Não havia pacientes sendo operados no momento.

SOBRE O AUTOR
Caio Barbieri

Cursou jornalismo no Centro Universitário de Brasília (UniCeub). Passou pelas redações do Correio Braziliense, Agência Brasil, Rádio Nacional e foi editor-adjunto da Tribuna do Brasil. Ocupou a assessoria especial no Ministério da Transparência e foi secretário-adjunto de Comunicação do GDF. Chefiou o relacionamento com a imprensa na Casa Civil, Vice-Governadoria, Secretaria de Habitação e na Secretaria de Turismo do DF. Fez consultoria para vários partidos, entidades sindicais e políticos da Câmara Legislativa e do Congresso Nacional. Assina a coluna Janela Indiscreta do Metrópoles e cobre os bastidores do poder em Brasília.

Últimas notícias