Coronavírus: GDF vai decretar fechamento do comércio

Apenas mercados, farmácias e padarias poderão funcionar. Polícia será autorizada a intervir em caso de descumprimento

atualizado 19/03/2020 15:15

O Governo do Distrito Federal (GDF) vai decretar, ainda nesta quinta-feira (19/03), o fechamento do comércio. As únicas exceções serão farmácias, mercados e padarias. Também será recomendado que as igrejas evitem celebrações.

A polícia será autorizada a intervir e fechar as portas de estabelecimentos que não cumprirem a determinação. A intenção é diminuir o trânsito na cidade e conter o avanço do coronavírus na capital do país. Nesta quinta-feira (19/03), o número de casos confirmados disparou e chegou a 61.

Na quarta-feira (18/03), o governador Ibaneis Rocha (MDB) determinou o fechamento dos shoppings da cidade. Também foram suspensas, por 15 dias, as atividades em boates e casas noturnas, parques e feiras populares devido à pandemia do novo coronavírus.

Nem todos, porém, estão cumprindo a quarentena imposta pelo governo. Na manhã desta quinta-feira (19/03), passageiros registraram vagões do metrô lotados.

Mesmo com o decreto do Governo do Distrito Federal (GDF) que determina a interdição de parques como medida de prevenção ao contágio pelo coronavírus, pessoas insistiram em fazer atividades físicas no Parque da Cidade. E teve ainda quem lotasse supermercados.

 

Últimas notícias