Thyane Dantas comenta sobre confusão entre Safadão e Mileide Mihaile

Em vários vídeos no Instagram, a atual mulher do cantor deu a versão dela sobre a atitude da mãe de Yhudi

Reprodução/InstagramReprodução/Instagram

atualizado 05/02/2019 12:37

A polêmica entre Mileide Mihaile, Wesley Safadão e Thyane Dantas ganha um novo capítulo a cada dia. A confusão sobre a viagem do cantor para a França sem levar o filho mais velho, Yhudi, virou tema de vídeos nos stories do Instagram da atual do cantor, onde ela deu a sua versão sobre o ocorrido. Nessa segunda-feira (4/2), o cantor contou que acionou até a Justiça para tentar levar o primogênito, fruto de seu casamento Mileide Mihaile, para a festa de aniversário do jogador Neymar, mas que a mãe do menino não o liberou para o passeio com o pai.

Na rede social, Thyane diz não saber se a internet seria o melhor lugar para desabafar sobre a história, mas fez um relato completo. “O Wesley recebeu um convite para tocar no aniversário do Neymar e compartilhou, não só comigo, mas com os filhos, principalmente com o Yhudi porque ele é fã. Nós ficamos muito felizes, programamos essa viagem, o Yhudi ficou de falar com a mãe, porque no caso esses dias ele iria estar com ela, para pedir a autorização para viajar”, relatou Thyane.

Reprodução/Instagram
Safadão e Thyane foram à festa de Neymar, mas não puderam levar Yhudi

Segundo a mulher de Safadão, em um primeiro momento, Mileide havia respondido ao filho que poderia ir ao evento. “Ele agradeceu, ficou muito feliz, quase não dormiu. E assim foi feito. Compramos a passagem, hotel, enfim… Isso aconteceu na terça feira e na quarta o Yhudi ia para a casa da mãe dele”, comentou.

“A partir de quarta a gente não teve mais nenhuma resposta de lá. Daí em diante nós só tivemos o silêncio, nem as advogadas, enfim, a gente não tinha nenhum tipo de resposta. O Wesley procurou com os advogados dele uma saída para isso, ver de que forma poderia falar com o filho, de que forma ele poderia trazer o filho com a gente. Enfim, a gente estava até aquele momento sem nenhum tipo de resposta e sem nenhuma certeza. Até que saiu a decisão da Justiça e foi autorizada a viagem dele. Essa autorização foi repassada para as advogadas da outra parte e mais uma vez um silêncio total”, continuou.

Thyane falou que depois da decisão judicial, o casal pediu ao motorista que entregasse o papel com a autorização para a viagem de Yhudi e que Mileide teria falado “absurdos” contra Wesley Safadão. “A criança presenciou. E no resumo, o motorista não ia obrigar ninguém, só deixou ciente da situação, recuou, saiu, veio embora. E infelizmente ele não está aqui com a gente. Tudo que o Wesley podia fazer ele fez para que o filho pudesse estar aqui com a gente, pudesse fazer essa viagem, pudesse realizar esse sonho, mas não cabe só a nós e ele não iria partir para nenhum tipo constrangimento, envolver polícia nisso, enfim”, afirmou Thyane na série de vídeos.

Mileide Mihaile ainda não se pronunciou sobre o assunto.

Últimas notícias