De um leito hospitalar, envolto em faixas, Francisco Dyogo, 15 anos, mandou um recado para a família em Fortaleza (CE). “Pai, estou bem, tá? Graças a Deus”, disse o garoto, que joga há um ano na base do Flamengo.

Francisco Dyogo é um dos sobreviventes do incêndio de grandes proporções que atingiu o Centro de Treinamento do Flamengo, em Vargem Grande, no Rio de Janeiro, na madrugada desta sexta-feira (8/2). Ao todo, 10 pessoas morreram e, além de Francisco, mais duas pessoas ficaram feridas.

Veja o vídeo publicado pelo jornal Extra:

 

“Nós estamos esperando as passagens para meu pai e minha mãe irem para lá. Essa tragédia foi horrível. Nós dependendo sim, do Flamengo, para visitar o Diogo”, disse a irmã do atleta, Naiane, ao jornal Extra.