SP registra alta de 12% de pacientes internados em UTIs em uma semana

Neste domingo (28/2), estado tem 7.173 pessoas com Covid-19 em leitos de terapia intensiva, segundo o governo

atualizado 28/02/2021 21:26

aglomeraco e movimento de pessoas em sao paulo_Fábio Vieira/Especial Metrópoles

São Paulo – O número de pacientes com Covid-19 internados em unidades de terapia intensiva segue em alta no estado de São Paulo. Segundo o boletim diário divulgado pelo governo estadual, até as 14h55 deste domingo (28/2), 7.173 pessoas ocupam leitos de UTI, 162 novas internações em relação a sábado (7.011 até as 14h35).

Na comparação com a última segunda-feira, quando o estado superou o pico da primeira onda e chegou a 6.410 pacientes com Covid-19 em UTIs, o número deste domingo representa um crescimento de 11,9%, com 763 novas internações.

As taxas de ocupação dos leitos de UTI atingiram 72,9% na Grande São Paulo e 72,1% no estado. Na segunda, esses índices estavam em 67,8% e 67,9%, respectivamente.

Na sexta-feira, o secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn, afirmou que o estado corre risco de enfrentar um colapso no sistema de saúde devido ao aumento de internações, caso a população não faça a sua parte, respeitando protocolos sanitários e regras determinadas pelo governo.

Com o crescente índice de ocupação dos leitos, o governo paulista decidiu regredir a região metropolitana de São Paulo, incluindo a capital, para a fase laranja do plano estadual de quarentena, a partir de segunda-feira (1º/3), além das regiões de Campinas, Registro e Sorocaba. Já as cidades de Marília e Ribeirão Preto recuaram para a fase vermelha, a mais restritiva do Plano São Paulo.

O estado de São Paulo já registra 59.493 óbitos e 2.041.628 casos confirmados durante toda a pandemia.

0

Últimas notícias