Projeto S: metade da população de cidade em SP é vacinada contra Covid

A iniciativa do governo de São Paulo tem como objetivo testar a efetividade da Coronavac ao vacinar a cidade de Serrana, no interior

atualizado 05/03/2021 21:38

chegada de insumo para coronavac butantanFábio Vieira/Metrópoles

São Paulo – A cidade de Serrana, a 277 km de São Paulo, superou a marca de mais da metade da população vacinada contra a Covid-19 nesta sexta-feira (5/3).

A iniciativa faz parte do Projeto S, que irá vacinar todo o município para testar a efetividade da Coronavac, vacina desenvolvida em parceria entre o Instituto Butantan e a farmacêutica chinesa Sinovac. O objetivo do governo de São Paulo é vacinar 30 mil voluntários entre os 45.644 habitantes do município.

Nesta sexta, 1.649 pessoas receberam a primeira dose do imunizante, o maior número até agora. Como resultado, 14.518 moradores de Serrana, equivalente a 51,2% da população, tomaram a Coronavac desde 17 de fevereiro.

A fim de facilitar o Projeto S, o governo dividiu Serrana em 25 partes, que depois formaram quatro regiões, separadas por cores. Os moradores vacinados nesta semana fazem parte da Região Cinza. Ainda restam os voluntários da Região Azul, que serão imunizados de 10 a 13 de março.

A vacinação acontece de quarta a sexta, das 14h às 20h30. Aos sábados e domingos, o horário é das 8h às 15h30. Ao todo, são oito pontos de vacinação, entre escolas estaduais (E.E) e escola municipal de ensino fundamental (EMEF).

São eles: E.E Jardim das Rosas; E.E. Deputado José Costa; E.E. Neuza Maria do Bem; EMEF Professora Maria Celina Walter de Assis; EMEF Paulo Sérgio Gualtieri Betarello; EMEF Professor Edesio Monteiro de Oliveira; EMEF Jardim Pedro I e EMEF Professora Dilce Jorge Gonçalves Netto França.

Além do Projeto S, mais de 3,1 milhões de pessoas foram imunizadas em todo o estado de São Paulo, de acordo com o governo.

0

Últimas notícias