Professora relata desespero e gritaria durante ataque a escola de SC

Aline é agente educacional da creche no período da tarde e mora próximo ao local do crime. Ela já estava uniformizada quando ouviu gritos

atualizado 04/05/2021 13:41

Professora relata desespero e gritaria durante ataque a escola de SCReprodução/NSC TV

A invasão a uma escola na cidade de Saudades, no Oeste de Santa Catarina, na manhã desta terça-feira (4/5) que deixou três crianças e duas profissionais mortas chocou os moradores da região.

Aline é agente educacional da creche no período da tarde e mora próximo ao local do crime. Ela já estava uniformizada para o trabalho quando ouviu gritos de socorro e correu para fora de casa para saber o que estava acontecendo.

“Escutei gritos de pedidos de socorro, eram muito fortes. Aí eu saí e vi as minhas colegas pedindo socorro, para ligar para polícia. Eu consegui ligar, mas não consegui falar nada, só pedi socorro”, relata a profissional.

Leia a reportagem completa em NSC Total, site parceiro do Metrópoles, em Santa Catarina.

Últimas notícias