Prefeitura de Dracena erra e doses vencidas contra Covid são aplicadas

A prefeitura da cidade do interior de São Paulo informou que foram aplicadas 80 unidades de vacinas Oxford/AstraZeneca

atualizado 23/04/2021 9:31

vacina sendo injetadaFábio Vieira/Metrópoles

São Paulo – A prefeitura de Dracena, no interior de São Paulo, informou ter aplicado 80 doses vencidas do imunizante Oxford/AstraZeneca, vacina produzida pela Fiocruz contra a Covid-19.

A prefeitura da cidade não disse qual a faixa etária que recebeu o imunizante, mas informou que o erro ocorreu na semana passada, entre os dias 14 e 15 de abril.

No momento, estão sendo vacinados em Dracena idosos a partir de 64 e profissionais da educação de 47 anos ou mais.

Em um vídeo publicado nas redes sociais, o prefeito da cidade, André Lemos (Patriota), pediu para que as pessoas não fiquem em pânico. De acordo com o gestor público, as vacinas apenas não terão efeito.

“As vacinas da AstraZeneca chegaram ao município com um prazo de validade muito curto, de aproximadamente 30 dias. Os novos lotes estão chegando com um prazo muito superior, de 90, 100, 120 dias de validade. Houve falha na gestão do estoque, e as vacinas que chegaram depois foram aplicadas primeiro”, afirma Lemos.

O prefeito ainda diz que as pessoas que receberam a vacina vencida serão contatadas pela Vigilância Epidemiológica local.

Também é possível conferir por meio do cartão de vacina se a dose tomada foi a vencida, por meio do código do lote vencido: 4120Z001.

A Fiocruz ainda não se pronunciou sobre possíveis efeitos colaterais.

Assista ao anúncio da prefeitura:

Últimas notícias