Temendo colapso em Roraima, senador pede ajuda humanitária da Venezuela

Segundo senador Telmário Mota (Pros-RR), estoque de oxigênio no estado só é suficiente para mais sete dias

atualizado 25/01/2021 16:55

Telmário MotaWaldemir Barreto/Agência Senado

Temendo que episódios como o colapso da rede de saúde de Manaus (AM) ocorra em Roraima, o senador Telmário Mota (Pros-RR), eleito pelo estado, enviou um ofício ao ministro das Relações Exteriores da Venezuela, Jorge Arreaza, solicitando colaboração do país vizinho para fornecimento de cilindros de oxigênio.

O ofício foi enviado pelo parlamentar na última sexta-feira (22/1). Telmário também externou a preocupação com um possível colapso ao ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e ao governador de Roraima, Antonio Denarium (PSL).

Segundo o senador, o Hospital Geral de Roraima, único destinado para internações de casos graves da Covid-19 em todo o estado, apresenta lotação máxima dos leitos de unidade de terapia intensivas (UTI).

O baixo estoque de oxigênio só dura mais uma semana, conforme informado pelo parlamentar.

“Não podemos esperar que aconteça em Roraima o mesmo que ocorreu no Amazonas, pacientes morrendo por falta de oxigênio. Isso é falta de compromisso com a vida. Não bastasse esse fato, ainda soubemos que Rondônia também precisou enviar pacientes a outros estados por falta de leitos. O que falta para agirmos em Roraima? Os sinais são claros”, disse.

0
Colapso

Nas últimas semanas, Manaus sofreu com um colapso na rede de saúde provocado pela falta de oxigênio em estoque para tratamento de pacientes graves do novo coronavírus. Desabastecido, o município buscou ajuda nos países vizinhos, em principal com a Venezuela.

O chanceler venezuelano, Jorge Arreaza, foi importante peça na ajuda ao estado do Amazonas. Arreaza defendeu que o governo local disponibilizaria “imediatamente” oxigênio às unidades hospitalares.

É no país que se encontra grande parte do estoque da substância da maior empresa fornecedora do governo amazonense, a White Martins.

Mais lidas
Últimas notícias