Paes ironiza general Ramos: “Não sabia que ainda era ministro”

Governador do Rio recebeu mensagem do ministro de Bolsonaro sugerindo manter o desfile no sambódromo da Marquês de Sapucaí

atualizado 07/01/2022 9:46

Rafaela Felicciano/Metrópoles

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), ironizou o ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, general Luiz Eduardo Ramos, em publicação no Twitter. Paes comentava uma notícia que dava conta de que ele teria recebido uma mensagem de WhatsApp do ministro sobre a realização do Carnaval no Rio.

Ao citar o general da reserva, o prefeito escreveu que havia convivido com ele por ocasião das Olimpíadas de 2016, mas afirmou que não sabia que ele ainda ocupava cargo no governo Jair Bolsonaro (PL). Na sequência, Paes fez uma saudação militar (“Selva!”) e completou: “Que gente estranha!”, sem explicitar a quem exatamente se referia.

0

Pelo segundo ano consecutivo, a Prefeitura do Rio de Janeiro optou por cancelar o Carnaval de rua por causa da pandemia da Covid-19. A decisão foi tomada na última terça-feira (4/1), em reunião do prefeito Eduardo Paes com lideranças de ligas de blocos de rua.

O evento ocorreria entre o fim de fevereiro e o começo de março. Paes já havia admitido que o desfile dos blocos de rua poderiam ser cancelados caso não houvesse condições epidemiológicas favoráveis.

Mais lidas
Últimas notícias