“Não tem mágica para criar mil leitos em um dia”, diz Pazuello em SC

O ministro da Saúde afirmou que o governo federal tenta, aos poucos, atender todo mundo "o mais rápido possível"

atualizado 05/03/2021 20:52

ministro saude eduardo pazuello coletiva 3Rafaela Felicciano/Metrópoles

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, visitou nesta sexta-feira (5/3) o município de Chapecó, em Santa Catarina. Na ocasião, ele disse que “não tem mágica” para criar mil leitos em um dia para atender pacientes contaminados com a Covid-19. A declaração foi dada durante entrevista coletiva.

“O olhar das pessoas que estão trabalhando pareceu muito motivado. Isso demonstra por si só qual é a sensação da resposta [de atendimento aos pacientes]”, disse Pazuello, que esteve em um centro de eventos que abriga pacientes infectados pela doença.

Na sequência, o general afirmou: “Não tem mágica, você não faz mil leitos em um dia. Vai subindo, faz 60, 70, até termos capacidade de atender todo mundo, o mais rápido possível”.

A situação da pandemia se agravou em Santa Catarina, principalmente a partir de fevereiro, e há falta de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

De acordo com boletim divulgado nesta sexta pelo governo estadual, 291 pessoas estavam na lista para transferência para um leito de UTI-Covid em Santa Catarina, a maior parte na região Oeste.

Pazuello também se encontrou com o governador de Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL), a vice-governadora Daniela Reinehr (sem partido) e o secretário da Saúde, André Motta.

Últimas notícias