metropoles.com

Culto em homenagem a Mendonça reúne Bolsonaro, Michelle e ministros

Novo ministro do Supremo Tribunal Federal comemorou sua posse em uma igreja evangélica de Brasília. Evento reuniu milhares de fiéis

atualizado

Compartilhar notícia

Igo Estrela/Metrópoles
culto de ação de graças, para André Mendonça. Presidente Bolsonaro finaliza a Live para entrar na cerimônia 8
1 de 1 culto de ação de graças, para André Mendonça. Presidente Bolsonaro finaliza a Live para entrar na cerimônia 8 - Foto: Igo Estrela/Metrópoles

O mais novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), André Mendonça, reuniu milhares de pessoas na comemoração de sua posse em uma igreja evangélica de Brasília, nesta quinta-feira (16/12).

Com vestidos de gala, ternos e arrumados para a festa, fiéis fizeram fila para entrar na sede da Convenção Nacional das Assembleias de Deus do Brasil Ministério Madureira, localizada na 910 Sul da capital federal.

Veja um trecho da cerimônia:

André Mendonça, o ministro “terrivelmente evangélico” do presidente Jair Bolsonaro (PL), lotou o prédio com dois andares no centro da capital. Um dos primeiros a chegar no local foi o chefe do Executivo federal, que optou por antecipar sua tradicional live semanal para participar do culto em homenagem a Mendonça. Ele chegou no local por volta das 17h30, realizou a transmissão ao vivo nas redes sociais e esperou até as 19h para participar da comemoração.

Participaram do evento os ministros Luiz Eduardo Ramos (Casa Civil), Tarcísio de Freitas (Infraestrutura), Marcelo Queiroga (Saúde), Carlos Alberto França (Relações Exteriores), Flávia Arruda (Secretaria de Governo), Ciro Nogueira (Casa Civil), Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos) e Milton Ribeiro (Educação). O ministro Ricardo Lewandowski, do STF, também marcou presença na ocasião. Ele estava acompanhado de sua esposa.

0

Cerimônia

O presidente-executivo da Convenção Nacional das Assembleias de Deus no Brasil, bispo Samuel Cássio Ferreira, abriu a cerimônia e chamou André Mendonça “terrivelmente evangélico”.

Ele também comentou a comemoração da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, que falou na chamada “língua dos anjos” ao receber a notícia de que o Senado havia aprovado o nome de Mendonça, no início deste mês.

Se tentaram humilhar uma serva de Deus, fizeram foi exaltar“, disse o religioso ao iniciar seu discurso.

Posse de Mendonça

André Mendonça chegou à cerimônia de posse acompanhado da esposa e dos dois filhos. O presidente Jair Bolsonaro entrou com a mulher, Michelle Bolsonaro. Ambos apresentaram com antecedência os documentos exigidos em decorrência da pandemia de Covid-19 – comprovantes de vacinação ou testes RT-PCR.

Ao todo, 59 convidados participaram da cerimônia. O plenário tem capacidade para 250 pessoas e a determinação de reduzir os presentes foi para manter o distanciamento.

No compromisso de posse, André Mendonça afirmou: “Prometo bem fielmente cumprir os deveres de cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal, em conformidade com a Constituição e as leis da República”.

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública de Bolsonaro substitui o ministro Marco Aurélio Mello, que se aposentou de forma compulsória em julho deste ano. Desde a saída de Mello, o Supremo vinha trabalhando com apenas 10 ministros. Agora, volta a ter a composição completa. Mendonça pode ficar no STF até dezembro de 2047.

No STF, Mendonça diz que atuará “pela democracia e respeito à Constituição”

0

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações