CPI estuda novo depoimento de Elcio Franco e audiência com famílias de vítimas

A cúpula da Comissão Parlamentar de Inquérito da Covid-19 planeja concluir os trabalhos da comissão na segunda quinzena de setembro

atualizado 18/08/2021 18:28

CPI da CovidRafaela Felicciano/Metrópoles

A direção da CPI da Covid-19 estuda alguns depoimentos antes de concluir os trabalhos e entregar o relatório final, que está sendo confeccionado pelo senador Renan Calheiros (MDB-AL). O martelo, todavia, ainda não foi batido.

Além do advogado da Precisa Medicamentos, Túlio Silveira, que ficou em silêncio nesta quarta-feira (18/8), e o empresário Francisco Maximiano, da Precisa, com depoimento previsto para esta quinta-feira (19/8), outras dez oitivas estão no radar da comissão, entre elas a ideia de uma audiência para ouvir familiares de vítimas da Covid.

A CPI separou três depoimentos de representantes de hospitais federais do Rio de Janeiro e avalia um novo depoimento do ex-secretário-executivo do Ministério da Saúde Elcio Franco.

Eis a lista preliminar:

  • Presidente do FIB Bank;
  • Dono da VTC Log;
  • Emanuel Catori, presidente da Belcher Farmacêutica do Brasil;
  • Francisco Araújo, ex-secretário da Saúde do Distrito Federal;
  • Ricardo Santana, do CMED;
  • Três representantes de Hospitais Federais do Rio de Janeiro;
  • Elcio Franco, ex-secretário-executivo do Ministério da Saúde
  • Audiência com familiares das vítimas da Covid-19.

A cúpula avalia concluir os trabalhos da comissão na segunda quinzena de setembro.

0

Mais lidas
Últimas notícias