Bolsonaristas festejam com fogos vitória dupla em eleições no Congresso

Presidente Bolsonaro consegue emplacar no comando do Senado e da Câmara dos Deputados dois aliados egressos do Centrão

atualizado 02/02/2021 0:53

Arthur Lira é eleito presidente da Câmara dos DeputadosRafaela Felicciano/Metrópoles

Tão logo terminaram as sessões legislativas no Congresso Nacional na noite desta segunda-feira (1º/2), os bolsonaristas foram às ruas comemorar. Há razão para tanto: o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) obteve uma expressiva vitória política com as eleições de Rodrigo Pacheco (DEM-MG) no Senado e Arthur Lira (PP-AL) na Câmara – dois nomes egressos do Centrão.

Com aliados no comando de ambas as casas, o presidente vê mais distante a possibilidade de abertura de um processo de impeachment, algo que mesmo o ferrenho adversário Rodrigo Maia (DEM-RJ), o maior derrotado na noite desta segunda, não se propôs a fazer.

Nas ruas próximas ao Congresso, os apoiadores do presidente Bolsonaro expressaram seu contentamento soltando fogos de artifício, como pode ser observado nas imagens capturadas em frente ao Anexo IV da Câmara.

Confira:

Aliados eleitos

O Senado Federal elegeu Rodrigo Pacheco para comandar a Casa pelos próximos dois anos. Após votação presencial e secreta, o parlamentar conseguiu 57 votos e assegurou sua eleição para presidente. Simone Tebet (MDB-MS) teve 21 votos.

Já o deputado federal Arthur Lira (foto em destaque) vai ocupar a presidência da Câmara dos Deputados no biênio 2021-2022. O candidato apoiado pelo presidente Jair Bolsonaro foi eleito ainda em 1º turno, com 302 votos dos 505 deputados presentes.

O segundo colocado, com 145 votos, foi o deputado Baleia Rossi (MDB-SP), apoiado pelo agora ex-presidente da Câmara Rodrigo Maia.

Últimas notícias