Espanhol diz que foi contratado para disparar mensagens pró-Bolsonaro

Segundo ele, empresas brasileiras de diferentes setores da economia usaram software durante a campanha eleitoral de 2018

Marcos Corrêa/PRMarcos Corrêa/PR

atualizado 18/06/2019 9:33

Uma agência de marketing espanhola foi contratada para disparar mensagens favoráveis ao hoje presidente Jair Bolsonaro (PSL) na campanha eleitoral de 2018. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

O veículo conseguiu gravações em que o dono da Enviawhatsapps, Luis Novoa, conta que empresas brasileiras de diferentes setores compraram o software desenvolvido por ele para espalhar mensagens em massa.

Novoa, no entanto, não sabia que o produto oferecido por ele era usado para campanha eleitoral. O empresário só teve conhecimento da situação quando as linhas telefônicas foram cortadas pelo próprio WhatsApp, com a alegação de mau uso da plataforma.

A Folha informa que a equipe de Bolsonaro ou o próprio presidente não tinha conhecimento sobre o uso do software. O veículo entrou em contato com o Palácio do Planalto, que não comentou o caso.

Procurado, Luis Novoa negou que tenha trabalhado com campanhas políticas no Brasil e só soube do que se tratava quando teve as linhas cortadas. Na Espanha, o dono da Enviawhatsapps trabalhou em campanhas de disparo de mensagens em massa dos partidos Podemos e PSOE. Ele também teria prestado serviço para a sigla de extrema direita Vox.

Últimas notícias