PM morre depois de ser agredido em bar em Mato Grosso; veja vídeo

O ataque foi filmado pela câmera de segurança do local e os criminosos fugiram depois da agressão. Gravação contém cenas fortes

atualizado 26/07/2021 16:31

Reprodução

Roberto Rodrigues de Souza, um policial militar de 31 anos, morreu na noite de domingo (25/7), depois de ser espancado em um bar de Várzea Grande, em Cuiabá, capital de Mato Grosso. O ataque foi filmado pela câmera de segurança do local. Os criminosos fugiram após a agressão.

O PM esteve com a esposa no bar, por volta das 23h. A Polícia Civil divulgou que a vítima desentendeu-se com os dois homens, mas não há informações sobre o que teria motivado a briga. A corporação também afirmou que Roberto foi agredido com pauladas na cabeça.

Abaixo, a gravação da câmera de segurança do bar em que aconteceu a agressão. Atenção: o vídeo contém cenas fortes.

Segundo o portal Extra, uma equipe da Polícia Militar chegou a ser acionada para o bar, e encaminhou o soldado ao Pronto-Socorro de Várzea Grande. Lá, foi realizada uma tentativa de reanimação cardiopulmonar, mas o procedimento não obteve sucesso.

Nas imagens gravadas, é possível ver Roberto de Souza cercado pelos dois homens, além de outras duas mulheres que tentavam apartar a briga. Mesmo caído, o soldado leva um pisão na cabeça. Os agressores saem correndo para fora do local, logo em seguida.

A Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) está investigando o caso. Equipes da unidade e da Polícia Militar fazem diligências para tentar identificar e prender os agressores.

A PM divulgou uma nota de pesar, em seu perfil do Facebook. Roberto estava lotado no 7º Comando Regional em Acorizal e deixa a esposa e dois filhos.

Últimas notícias