“Obrigado por tudo”, diz filho de mulher que desapareceu em Angra

Corpo de Cristiane Nogueira foi reconhecido nesta segunda-feira (30) por familiares. Ex-companheiro, Leonardo Machado, segue desaparecido

atualizado 30/08/2021 20:02

Casal desaparecido em Angra dos ReisReprodução

Rio de Janeiro – Após reconhecer o corpo da mãe, Cristiane Nogueira, 48 anos, no Instituto Médico Legal (IML) do Rio de Janeiro, o investidor em criptomoedas Guilherme Brito fez uma homenagem a ela no Instagram. A mulher e o ex-companheiro, Leonardo Machado, 50 anos, desapareceram no domingo passado (22/8) após saírem para ver o pôr do sol em uma viagem de reconciliação em Angra dos Reis, na Costa Verde fluminense. O homem ainda não foi localizado.

Na publicação, Guilherme colocou uma foto da mãe e escreveu: “Você foi uma mãe incrível. Obrigado por ter me dado a vida. Obrigado por estar sempre ao meu lado. Obrigado por tudo. Eu nunca irei te esquecer. Que Deus te receba de braços abertos. Do seu filho, seu fã número 1”. Na legenda, ele colocou o desenho de uma rosa.

Guilherme e a família já haviam identificado, por meio de uma foto, o corpo de Cristiane, encontrado no domingo (29/8), na Restinga da Marambaia, em Barra da Guaratiba, na zona oeste do Rio. As tatuagens pelo corpo dela foram imediatamente reconhecidas pelos parentes.

A Polícia Civil investiga o que pode ter acontecido. O delegado titular da 166ª DP (Angra dos Reis), Vilson de Almeida Silva, informou que descarta a hipótese de violência, uma vez que não foram encontrados sinais no corpo de Cristiane. A principal hipótese é que tenha ocorrido um naufrágio.

“As investigações continuam e os bombeiros estão à procura do Leonardo ou da embarcação. Foi encontrada uma janela compatível com a da embarcação. Continuamos investigando para entender o que aconteceu com este casal. […] Provavelmente houve um naufrágio e ela ficou muito tempo submersa”, afirmou.

Mais lidas
Últimas notícias