RJ: família de desaparecida em Angra é alvo de golpe e notícias falsas

Em post no Instagram, Guilherme Brito, filho de Cristiane, fez um apelo para que as pessoas não divulguem o telefone dele e de parentes

atualizado 28/08/2021 15:32

casal desaparecido em angraMontagem/Arquivo pessoal

Após pedir ajuda para encontrar Cristiane Nogueira da Silva desaparecida em Angra dos Reis, litoral do Rio, a família da mulher de 48 anos, se tornou alvo de golpe e notícias falsas.

Filho de Cristiane, Guilherme Brito diz que só na manhã deste sábado (28/8), recebeu dois pedidos de resgate.

Em post no Instagram, ele publicou imagens de tentativas de golpe via WhatsApp. Veja:

0

Na rede social, Guilherme fez um apelo para que as pessoas que conhecem os familiares de sua mãe não repassem os contatos.

“As pessoas que têm os nossos telefones não passem. Passe o telefone da polícia. Se tiver alguma informação relevante, manda por mensagem ou direto para a polícia”, disse.

Além dos alarmes falsos em relação ao paradeiro de Cristiane, integrantes da família tiveram seus telefones clonados e há criminosos pedindo dinheiro se passando por parente.

0

A mãe de Guilherme foi vista pela última vez no domingo passado (22/8) em um passeio de barco em Agra dos Reis. Ela e o ex-companheiro Leonardo Machado de Andrade, de 50 anos, faziam uma viagem de reconciliação.

A polícia suspeita que a embarcação tenha naufragado. As buscas seguem neste sábado com auxílio de bombeiros de quatro quartéis.

“Investigamos naufrágio ou latrocínio (roubo seguido de morte). Aparentemente, eles estavam tentando reatar, mas não descartamos nenhuma hipótese. O Corpo de Bombeiros reiniciou as buscas hoje, (sábado 28/8)”, afirmou o delegado Vilson de Almeida Silva, da 166ª DP (Angra dos Reis).

Mais lidas
Últimas notícias