Novas fotos mostram cocaína apreendida com militar brasileiro

O sargento Manoel Silva Rodrigues foi detido na Espanha por traficar 39 kg de droga. Ele estava em avião da Força Aérea Brasileira (FAB)

Foto: Divulgação/Guarda Civil da EspanhaFoto: Divulgação/Guarda Civil da Espanha

atualizado 05/07/2019 11:12

A polícia da Espanha divulgou novas imagens dos 39 kg de cocaína apreendidos com o segundo-sargento da Aeronáutica Manoel Silva Rodrigues, que integrava a equipe de apoio da comitiva do presidente Jair Bolsonaro (PSL), em viagem ao Japão para participação no G20.

As imagens mostram a mala onde estava a droga no momento da apreensão. Foram encontrados 37 pacotes de um pouco mais de 1 kg cada, embalados com fitas nas cores bege e amarela.

Rodrigues foi detido pela Guarda Civil espanhola ao chegar no aeroporto de Sevilha, na Espanha, em um voo da Força Aérea Brasileira (FAB). As fotos foram tiradas ao lado do equipamento de raio X, logo que os agentes espanhóis detectaram a presença do entorpecente na mala de mão do militar.

Varredura
Na tarde da última segunda-feira (01/07/2019), a Polícia Civil e militares da Força Aérea Brasileira (FAB), acompanhados por cães farejadores, fizeram uma varredura no apartamento funcional do sargento, no Bloco K da 414 Sul, em Brasília. A casa dele em Taguatinga também foi vistoriada.

Lá, o cumprimento do mandado foi acompanhado pela atual esposa do militar detido na Espanha e pelo advogado. Na oportunidade, foram apreendidos documentos, pen drives, notebook e celular. Não foram encontrados dinheiro, valores ou substâncias entorpecentes no local. No outro imóvel onde foi realizada a busca, na Asa Sul, foram recolhidos documentos.

Últimas notícias