STJ manterá sessões por videoconferência até o fim de março

Avanço da Ômicron e o recente surto de influenza no Distrito Federal motivaram decisão do pleno

atualizado 01/02/2022 20:45

Felipe Menezes/Metrópoles

​O Superior Tribunal de Justiça (STJ) aprovou, por unanimidade, a manutenção do trabalho híbrido com sessões de julgamento realizadas por videoconferência. As reuniões presenciais estão suspensas até o fim de março.

A medida foi tomada depois de avaliação do cenário epidemiológico, com recente aumento de casos de Covid-19 e também o surto de influenza no Distrito Federal.

A sessão presencial para formação de lista com o nome dos novos integrantes da Corte também foi remarcada. Inicialmente prevista para 23 de fevereiro, o encontro será em 12 de maio, às 14h.

Na última semana de março, o presidente da Corte, ministro Humberto Martins, consultará a secretaria especializada do tribunal sobre o retorno ao presencial em abril.

A Resolução STJ/GP 1/2022, que detalha a decisão, será publicada nesta quarta-feira (2/2).

Mais lidas
Últimas notícias