*
 

A Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) está na etapa final de formação da lista tríplice — a ser enviada ao presidente Michel Temer — para o cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). Nos últimos dias, surgiu um novo possível candidato à vaga: Reynaldo Soares da Fonseca, atual ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Reynaldo é um dos magistrados federais que compõem a lista, a qual também leva o nome do juiz Sérgio Moro, do Paraná, e de outros ministros do STJ, como Mauro Campbell Marques, Isabel Gallotti e Nefi Cordeiro. Ele ocupa o cargo no Tribunal da Cidadania desde maio de 2015, oriundo do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1).

O togado despontou — além de pelo fato de ser juiz de carreira — devido aos rumores de proximidade com Michel Temer. Pesa também a favor do ministro a influência de outro personagem importante na carreira e trajetória do presidente da República: o correligionário José Sarney. O maranhense teria feito campanha a favor do conterrâneo Reynaldo da Fonseca quando ele ainda concorria ao cargo de ministro do STJ.

Desde o trágico acidente que vitimou o ministro do STF Teori Zavascki, então relator da Lava Jato, as especulações a respeito de quem seria o próximo ministro do STF tiveram início. A única restrição legalmente prevista é de que, de acordo com a Constituição Federal, os ministros do STF devem ser “escolhidos dentre cidadãos com mais de trinta e cinco e menos de sessenta e cinco anos de idade, de notável saber jurídico e reputação ilibada”.

Confira os nomes mais cotados nas apostas para a cadeira suprema:

  • Sérgio Moro (Juiz Federal do Paraná)
  • Alexandre de Moraes (Ministério da Justiça)
  • Grace Mendonça (Advocacia Geral da União)
  • Ives Gandra Martins Filho (Tribunal Superior do Trabalho)
  • Heleno Torres (Advogado e professor)
  • João Otávio Noronha (Superior Tribunal de Justiça)
  • Luis Felipe Salomão (Superior Tribunal de Justiça)
  • Ricardo Villas Bôas Cueva (Superior Tribunal de Justiça)
  • Rogério Schietti (Superior Tribunal de Justiça)
  • Mauro Campbell Marques (Superior Tribunal de Justiça)
  • Isabel Gallotti (Superior Tribunal de Justiça)
  • Nefi Cordeiro (Superior Tribunal de Justiça)