Justiça condena ex-diplomata por agressões à atriz Cristiane Machado

Sérgio Schiller Thompson-Flores foi denunciado pela ex-mulher em reportagem do Fantástico em novembro do ano passado

Reprodução/FantásticoReprodução/Fantástico

atualizado 16/09/2019 16:38

O empresário e ex-diplomata Sérgio Schiller Thompson-Flores foi condenado a três anos de prisão em regime semiaberto por ter agredido seguidamente a ex-mulher, a atriz Cristiane Machado (imagem em destaque). O caso ficou célebre após a vítima gravar algumas da agressões e denunciar Thompson-Flores em reportagem exibida pelo programa Fantástico, da Rede Globo, em novembro do ano passado. Nas imagens, o então marido de Cristiane lhe dá socos e tapas, além de tentar enforcá-la.

Thompson-Flores foi condenado pela juíza Luciana Fiala de Siqueira Carvalho, do 5º Juizado de Violência Doméstica. Como trata-se da primeira instância, o condenado poderá recorrer da decisão. Ele chegou a ser preso em novembro de 2018, mas conseguiu um habeas corpus e respondeu ao processo em liberdade, usando tornozeleira eletrônica.

Essa condenação é criminal. Em janeiro desse ano, a 50ª Vara Cível do Rio de Janeiro também condenou o ex-diplomata. Ele foi condenado a pagar indenização de R$ 1,2 milhão a Cristiane Machado.

A defesa do ex-diplomata ainda não se manifestou sobre a nova condenação. O espaço está aberto.

Últimas notícias