Deputado diz que PMs de SP alugaram ônibus para participar de atos pró-Bolsonaro

Deputado Coronel Tadeu disse que agentes da Polícia Militar do interior de SP alugaram 50 ônibus para participar de atos de 7 de setembro

atualizado 24/08/2021 14:37

Divulgação/PMSP

São Paulo – O deputado federal Coronel Tadeu (PSL-SP) disse que policiais do interior de São Paulo estão se organizando para comparecer às manifestações a favor do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) no dia 7 de setembro.

O deputado disse ao UOL que “há pelo menos 50 ônibus alugados” pelos agentes nas cidades de Ribeirão Preto, Bauru, Campinas, Presidente Prudente e Itapetininga. Ainda segundo o parlamentar, comerciantes de algumas cidades estão ajudando os policiais a pagarem seus assentos, que custariam entre R$ 30 e R$ 100.

Coronel Tadeu ainda defendeu a participação de agentes da PM em manifestações políticas, pois nada impede que eles apoiem o presidente “como brasileiros”. A Polícia Militar de São Paulo proíbe que policiais da ativa façam manifestações político-partidárias.

Afastamento

O parlamentar também criticou o governador João Doria (PSDB) por ter afastado o coronel Aleksander Lacerda, comandante de batalhões no interior de São que publicou mensagens nas redes sociais criticando o Supremo Tribunal Federal (STF) e convocando manifestações em 7 de setembro.

“Tecnicamente, o governador agiu de forma correta, mas, politicamente, e pela maneira como se deu o afastamento, ele esgarçou a relação com a corporação, que, aliás, nunca foi boa”, falou, destacando que Doria “ganhou 140 mil cabos eleitorais contra ele”.

Mais lidas
Últimas notícias