Crianças de 2 e 3 anos morrem carbonizadas no RJ; irmão é suspeito

Adolescente de 16 anos ficou cuidando dos irmãos enquanto a mãe saiu para comprar biscoitos. Ela encontrou os filhos em chamas em Maricá

atualizado 26/10/2021 10:38

Reprodução/ACG News

Rio de Janeiro – Dois irmãos de 2 e de 3 anos foram mortos carbonizados na noite dessa segunda-feira (25/10) em Maricá, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. O principal suspeito pela morte dos meninos Valentim e Vicente é o irmão, de apenas 16 anos. O jovem foi apreendido e levado para a delegacia da cidade.

A mãe havia saído de casa para comprar biscoitos para os filhos. De acordo com a Polícia Militar, equipes do 12° BPM (Niterói) foram acionadas para checar a morte das crianças na Rua 02, no Bairro de Cordeirinho.

Em nota, a PM informou que, no local, testemunhas disseram que as vítimas “estavam sob a responsabilidade de um irmão adolescente, que não estava no local”. A área foi isolada e a Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí foi acionada.

Corpos em chamas

As testemunhas contaram ainda que a mãe encontrou os filhos com os corpos em chamas ao retornar para residência. Desesperada, a mulher ainda teria tentado salvá-los, mas as crianças não resistiram. Ainda segundo testemunhas, o adolescente não estava em casa no momento em que a mãe chegou, mas foi encontrado na região por vizinhos.

A mãe das crianças, que ainda não teve a identidade revelada, chegou a passar mal e recebeu atendimento médico da equipe do Samu que estava no local. O adolescente foi levado para a 82ª DP em Maricá, onde o caso foi registrado.

Mais lidas
Últimas notícias