ilustração coronavírus brasil

Covid-19: mortes por semana no Brasil têm menor valor em dois meses

O país registrou 6.914 óbitos, o menor valor em 8 semanas, quando perdeu 6.790 vidas entre os dias 7 a 13 de junho

atualizado 10/08/2020 16:14

ilustração coronavírus brasilArte/Metrópoles

Na semana em que o Brasil ultrapassou a triste marca de 100 mil mortos por Covid-19, o registro em decorrência do vírus recuou.

O Ministério da Saúde contabilizou na semana epidemiológica, compreendida entre os dias 2 a 8 de agosto, 6.914 mortes, uma redução de 2,8% em comparação ao período de 26 de julho a 1º de agosto, quando o país registrou 7.114 óbitos. Este é menor valor em 8 semanas, o Brasil perdeu 6.790 vidas entre os dias 7 a 13 de junho.

Em relação aos infectados, os valores, analisados pelo (M)Dados, núcleo de jornalismo de dados do Metrópoles, mostram que foram 304.535 novos contaminados, uma redução de 3% em relação a semana imediatamente anterior.

Veja gráfico:

OMS

A Organização Mundial de Saúde (OMS) voltou a demonstrar preocupação com a situação da epidemia do novo coronavírus no Brasil. Na manhã desta segunda-feira (10/8), em entrevista coletiva, o diretor de emergências da entidade, Michael Ryan, afirmou que o país “está sustentando um nível muito alto de epidemia. A curva achatou um pouco, mas não está diminuindo”, disse.

O especialista também chamou atenção para a pressão nos hospitais, onde os leitos de unidades de terapia intensiva (UTIs) atuam no limite. “A ocupação das UTIs em muitos lugares agora ultrapassa 80%. Em outros, 90%”, pontuou.

Últimas notícias