Brasileira é premiada por criador do projeto Caça Asteroides, da Nasa

Estudante de medicina da Universidade de São (USP), Verena Paccola, de 22 anos, descobriu 25 asteroides e um deles pode colidir com a Terra

atualizado 12/01/2022 10:59

Verena Paccola, de 22 anos, e Patrick Miller, criador do programa Caça Asteroides da NASA e coordenador do International Astronomical Search Collaboration (IASC)Reprodução

São Paulo – Verena Paccola, de 22 anos, descobriu 25 asteroides e um deles, que se movimenta mais devagar, pode colidir com a Terra. A descoberta da estudante paulista foi reconhecida pelo programa Caça Asteroides, do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações do Brasil, em parceria com a Nasa.

A estudante da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP), da Universidade de São Paulo (USP), recebeu o prêmio , em 9/12, das mãos de Patrick Miller, criador do programa Caça Asteroides da Nasa e coordenador do International Astronomical Search Collaboration (IASC).

0

“Exato momento em que o Dr. Miller falou ‘Congratulations, Verena!’ e meu coração foi a 180 batimentos por minuto”, escreveu Verena ao compartilhar a foto da premiação no Instagram.

Descoberta

“Eu descobri mais de 25 asteroides e pelo menos um deles é classificado como muito importante. Ele faz parte de um grupo que é chamado de fraco, se movimenta mais devagar e pode colidir com a Terra”, disse Verena.

Segundo a estudante, a Nasa está colhendo mais dados e irá analisar a órbita do asteroide para verificar qual é a probabilidade de colisão com a Terra e quando isso ocorreria. A universitária poderá ainda dar nome aos asteroides descobertos após a emissão da documentação.

 

Mais lidas
Últimas notícias